Feto em situação longitudinal apresentação cefálica com dorso a esquerda

7 Relações feto pélvica ou estática fetal - Enfermagem

Um feto em situação longitudinal apresentação cefálica com dorso a esquerda é uma posição fetal específica que ocorre durante a gravidez. Nessa posição, o feto está na posição longitudinal, ou seja, de cabeça aos pés, e a cabeça está virada para baixo, pronta para sair pelo canal de parto. Além disso, o dorso do feto, ou seja, a parte de trás do corpo, está posicionado à esquerda do útero.

Essa posição fetal é considerada uma posição de parto normal e é a mais comum na hora do parto. No entanto, em alguns casos, o feto pode estar em uma posição diferente, o que pode exigir intervenção médica ou até mesmo uma cesariana.

Uma vez que o feto está em uma posição de apresentação cefálica, a mãe pode sentir sinais de trabalho de parto, como contrações uterinas regulares e dilatação do colo do útero. No entanto, é importante que a mãe e o bebê sejam monitorados de perto durante o trabalho de parto para garantir que tudo esteja progredindo de forma normal.

Se o feto estiver em uma posição de apresentação cefálica com dorso a esquerda, o médico pode recomendar a realização de manobras de versão externa para ajudar a colocar o feto em uma posição mais favorável para o parto. Essas manobras podem incluir massagens na barriga da mãe, pressão na parte inferior do útero e outras técnicas para ajudar a virar o feto.

Em geral, um feto em situação longitudinal apresentação cefálica com dorso a esquerda é uma posição de parto normal e segura. No entanto, é importante que a mãe e o bebê sejam monitorados de perto durante o trabalho de parto para garantir que tudo esteja progredindo de forma normal e para tomar as medidas necessárias caso seja necessário.

ESTÁTICA FETAL Ilana Soares Martins. - ppt video online carregar

SlidePlayer