Disfunção diastólica grau 1 é grave

O que é disfunção diastolica de grau 1 ?

A disfunção diastólica é um problema no qual o coração não consegue se relaxar adequadamente entre as batidas, o que dificulta a circulação sanguínea e pode levar a sintomas como fadiga, falta de ar e inchaço. Existem quatro graus de disfunção diastólica, classificados de acordo com a gravidade dos sintomas e da doença.

A disfunção diastólica grau 1 é a forma mais leve da doença e geralmente não causa sintomas. No entanto, mesmo nesse nível, a disfunção diastólica pode levar a complicações a longo prazo, como insuficiência cardíaca e derrame. Por isso, é importante que a disfunção diastólica seja diagnosticada e tratada o mais cedo possível, mesmo no grau 1.

O tratamento da disfunção diastólica grau 1 pode incluir mudanças no estilo de vida, como perder peso, praticar atividade física regularmente e controlar a pressão arterial. Também pode ser necessário o uso de medicamentos, como bloqueadores dos canais de cálcio e inibidores da enzima conversora de angiotensina, para ajudar a controlar a pressão arterial e melhorar a função do coração.

Em resumo, a disfunção diastólica grau 1 é um problema que deve ser levado a sério, pois pode evoluir para formas mais graves da doença se não for tratada adequadamente. É importante procurar atendimento médico se você tiver sintomas como fadiga, falta de ar ou inchaço, pois esses podem ser sinais de disfunção diastólica ou outras doenças cardíacas. Com o tratamento adequado, é possível controlar a doença e evitar complicações a longo prazo.

Disfunção sistólica ventricular esquerda detetada por speckle tracking em  hipertensos com fração de ejeção preservada - ScienceDirect

ScienceDirect.com