Tabela desconto fgts 2022

Emprego doméstico 2022: tabela de INSS e salário-família sofre reajuste  anual | Doméstica Legal

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um programa criado pelo governo brasileiro com o objetivo de proteger o trabalhador demitido sem justa causa. Nele, as empresas são obrigadas a depositar 8% do salário bruto do funcionário em uma conta vinculada ao FGTS.

No caso de demissão sem justa causa, o trabalhador tem direito a receber o saldo da conta do FGTS, acrescido de juros e multa. Além disso, o FGTS também pode ser usado como garantia em financiamentos habitacionais e para aposentadoria.

A tabela de desconto do FGTS é atualizada anualmente pelo governo e define o valor a ser descontado da remuneração do trabalhador para o Fundo. Em 2022, a tabela de desconto do FGTS segue os seguintes valores:

  • Até R$ 1.500,00: desconto de 8%
  • De R$ 1.500,01 a R$ 2.000,00: desconto de 9%
  • Acima de R$ 2.000,00: desconto de 10%

É importante ressaltar que esses valores são aplicados sobre o salário bruto do trabalhador, ou seja, antes da dedução dos impostos e outras contribuições.

Além disso, é importante lembrar que o FGTS não é descontado em todas as situações. Por exemplo, trabalhadores autônomos e empregados domésticos não têm direito ao FGTS. Também não são descontados FGTS para funcionários temporários, estagiários e aprendizes.

Em resumo, a tabela de desconto do FGTS é um importante instrumento para proteger os trabalhadores demitidos sem justa causa e oferecer benefícios como financiamentos habitacionais e aposentadoria. Em 2022, os valores de desconto variam de 8% a 10% do salário bruto, dependendo do valor da remuneração. É importante ficar atento a essa tabela para garantir o direito ao FGTS e seus benefícios.

Nova tabela de INSS – 2022

Datanil