Governo bolsonaro compra viagra

Tanuza Oliveira - Em novo avanço, legislação tenta diminuir abismo na  eleição de homens e mulheres | Como não falar em machismo num país que compra  viagra em detrimento de absorvente? | JL Política

O governo do presidente Jair Bolsonaro foi alvo de críticas recentemente após a divulgação de notícias de que teria adquirido grande quantidade de comprimidos de viagra para uso em campanhas políticas.

O viagra é um medicamento utilizado para tratar a disfunção erétil, e não é comumente utilizado em campanhas políticas. Além disso, a compra em grande escala de um medicamento como esse levanta questões éticas e de responsabilidade financeira do governo.

A notícia foi divulgada por veículos de mídia e gerou indignação em muitas pessoas, que questionaram a necessidade de um governo gastar dinheiro público em compras desse tipo. Alguns críticos afirmaram que o dinheiro poderia ser melhor aplicado em áreas como saúde, educação ou segurança pública.

O governo Bolsonaro, no entanto, negou as acusações e afirmou que a compra do viagra foi feita de forma lícita e com o objetivo de atender às necessidades de saúde de funcionários públicos. Ainda assim, muitos questionam a transparência e a ética dessa decisão.

Em resumo, a compra em grande escala de viagra pelo governo Bolsonaro gerou críticas e questionamentos sobre a utilização de dinheiro público e a ética da decisão. É importante que o governo seja transparente e responsável na utilização dos recursos financeiros disponíveis para atender às necessidades da população.

Compra de prótese peniana e Viagra mostra como Bolsonaro amoleceu militares  - 12/04/2022 - UOL Notícias

UOL Notícias