Através da minha janela 2

Amazon.com: Através de você Através de você (Sequência de Através da minha  janela): Os irmãos Hidalgo – Vol. 2 (Portuguese Edition) eBook :  Godoy,Ariana: Kindle Store

Através da Minha Janela 2

Quando eu olho pela minha janela, vejo uma visão diferente a cada dia. Alguns dias, vejo pessoas caminhando apressadas pelas ruas, enquanto outros dias vejo crianças brincando no parque do bairro. No entanto, independentemente do que está acontecendo lá fora, a vista pela minha janela sempre me traz uma sensação de paz e tranquilidade.

Na primavera, posso ver as árvores começarem a florescer e o gramado ficar verde novamente. No verão, o sol brilha forte no céu azul e as pessoas aproveitam o clima quente para passar o dia ao ar livre. No outono, as folhas das árvores mudam de cor e caem, criando um tapete dourado no chão. No inverno, o ar fica frio e a neve cobre tudo de branco, criando uma paisagem invernal encantadora.

Mas a minha janela não só me oferece uma vista da natureza. Também posso ver a vida cotidiana das pessoas que vivem no meu bairro. Posso ver as pessoas saírem para trabalhar de manhã cedo e os pais levando seus filhos à escola. À noite, posso ver as famílias se reunindo em volta da mesa para jantar ou as pessoas se sentando no porão para assistir a um filme.

A minha janela também me oferece uma visão da cidade onde moro. Posso ver os prédios altos e os carros passando pelas ruas movimentadas. Às vezes, posso ouvir o barulho da cidade, mas, na maior parte do tempo, o som dos pássaros e das folhas balançando ao vento é o que predomina.

A minha janela é mais do que apenas um elemento da minha casa. Ela me conecta com o mundo lá fora e me lembra de que há muito mais do que apenas o que está dentro de minhas quatro paredes. Ela me traz alegria, paz e inspiração todos os dias. É através da minha janela que eu posso observar o mundo mudar e crescer, e é por isso que eu amo olhar pela minha janela.

Através da Minha Janela: Filme da Netflix começou como uma fanfic gigante  na internet; conheça a origem - Notícias de cinema - AdoroCinema

AdoroCinema